Usuario

Parceria estratégica: como o içougue pivotou seu negócio com a ajuda da Lalamove



A pandemia da Covid-19 afetou significativamente algumas empresas e modelos de negócio, a ponto de fazer muitas empresas se inventarem. Foi o que aconteceu com o içougue, uma empresa que nasceu em 2017 com o objetivo de atender o mercado de delivery de açougues, que até então não existia no Brasil.

Depois de passar por um processo de aceleração, o modelo mudou para B2B no ano seguinte, pois os restaurantes tinham uma dificuldade imensa de encontrar bons fornecedores e, muitas vezes, tinham que comprar de vários. “Nos posicionamos como um marketplace de intermediação de negócios entre frigoríficos e lojistas e chegamos a atender mais de 2.500 restaurantes na Grande São Paulo”, explica Tiago Albino, CEO e fundador da rede.

icougue

 

Leia também

1. Cadeiras Inc.: conheça a empresa que ganhou competitividade com entregas no mesmo dia
2. Do Instagram para entregas reais: como as lojas Bloom You e Black List se tornaram clientes fiéis
3. 5 tendências de logística para PMEs terem sucesso em 2021

 

Em março de 2020, no auge da pandemia e isolamento social, os restaurantes fecharam - muitos, inclusive, definitivamente. O içougue, então, teve uma queda de 95% das vendas no atacado. Diante do desafio, a empresa pivotou mais uma vez, retornando para o modelo B2C. E aí a Lalamove se tornou essencial para o içougue. “Aprendemos a operar no delivery da proteína e, atualmente, nos tornamos franqueadores. Temos 52 lojas em SP e RJ,  que funcionam todos os dias das 8h às 22h com entrega expressa e isso só foi possível por meio da parceria com a Lalamove”, conta Tiago. 

Enquanto o delivery de carnes retomava seu crescimento, a Lalamove ampliava sua área de atuação. Neste momento, a parceria se consolidou como estratégica e essencial. “Foi muito impressionante ver o crescimento da Lalamove neste período, tanto em oferta de entregadores quanto na ampliação da base de cidades atendidas. Hoje atuamos em mais de 20 cidades nos estados de SP e RJ, todas atendidas pela Lalamove. Não encontramos outros parceiros com tamanha capilaridade e preço competitivo”, explica Tiago, que também faz questão de elogiar a segurança do app, que possui rastreio em tempo real para seus clientes. 

Com mais de 30.000 clientes finais, o içougue, no segundo semestre de 2021, retomou parte da operação de entregas também para restaurantes e projeta um faturamento de R$ 9 milhões até dezembro deste ano. “Tenho certeza que estamos apenas no começo da jornada e certamente a Lalamove vai nos acompanhar em cada nova cidade que chegarmos”, finaliza. 

 

Quero uma conta corporativa

Read more

Pronto para pedir?

Acesse o webapp ou baixe o aplicativo no seu celular e conheça uma solução completa em entregas!